Homem pede divórcio porque mulher tomava banho só uma vez por ano (vídeo)

Por Ipu Online — publicado | 18.1.18 | 0 comentários

Um homem, que não teve o nome divulgado, pediu divórcio da esposa após dez anos de casamento. E o motivo não cheira nada bem.


Ele alega que a mulher, Lin, só toma banho uma vez no ano! O rapaz entrou com o processo de divórcio na corte da cidade de New Taipei, em Taiwan, alegando tortura psicológica devido aos péssimos hábitos de higiene dela. Ele disse ainda que, raramente, a mulher lavava os cabelos e que escovava os dentes apenas duas vezes no mês.

Mas a porquice dela vem desde sempre, segundo o rapaz. Ele disse que, durante o namoro, ela tomava banho uma vez na semana. Após o casório, o banho passou a ser mensal, uma vez a cada seis meses e, agora, uma vez por ano. Ele falou ainda que, devido o costume da mulher, eles só faziam sexo após esse banho anual e que, por conta disso, eles nunca conseguiram ter filhos.

O casal passou muito tempo desempregado. Logo depois de arrumar um emprego como segurança, o rapaz disse que Lin não queria que ele trabalhasse. Por conta disso, em 2015, ele saiu de casa por não aguentar mais o cheiro dela e para continuar com o trabalho.

Revoltada, ela foi no emprego do então marido, o que foi a gota d’água para ele. O rapaz pediu a separação, prontamente negada por Lin. Ela diz que os pais dela o trataram como um filho durante o casamento e que só foi ao trabalho dele pois o moço não atendia mais suas ligações. A sogra do rapaz disse, em entrevista ao jornal Taipei Times, que é tudo mentira. E, além disso, ela ajudava o casal, mandando uma grana mensal para eles.

Como Lin não queria a separação, o rapaz levou o caso para o tribunal. O juiz deu causa ganha para ele que, enfim, pode respirar novos (e mais agradáveis) ares. Ainda assim, Lin pode recorrer da decisão.

A indiana Rita Yadav não aceitou muito bem uma condição do marido…

A indiana Rita Yadav, de 28 anos, passou os últimos dez anos sem ter relações com seu marido, Ved Prakash, de 31 anos.

E o que Rita fez? Cortou o pênis do maridão! Em depoimento, Rita explicou o motivo que a levou a cortar o amigão do marido.

Ele dizia que não conseguia olhar pra minha cara, que eu era muito feia… Não aguentava mais!.

Eu quero muito ter um filho. Implorava pra ele, mas ele se fazia de desentendido e que estava fazendo sexo com outras. Isso foi uma tortura pra mim nos últimos anos. Não aguentava mais.

Na noite do caso, Ved, que trabalha como taxista, chegou em casa de manhã e foi surpreendido com uma pancada na cabeça enquanto tomava banho. Ele ficou inconsciente e, enquanto estava desmaiado, Rita pegou uma faca e cortou o pênis do rapaz. Ved acordou 30 minutos depois e, com muita dor, ligou para um amigo, que o levou correndo para o hospital.

O médico que atendeu Ved não teve a identidade revelada e disse, depois da cirurgia de reconstrução que durou cinco horas, que o pênis foi recolocado no lugar. “Nós conseguimos reimplantar o órgão. O problema foi que ele perdeu muito sangue e quase morreu por causa disso. Nós não podemos dar certeza de que o membro funcionará normalmente.”.

Rita ainda irá a julgamento e responderá pelo crime 326, que representa causar danos graves com armas letais.

      

R7

Categorias:

0 comentários

ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Ipu Online.