Terremoto de 7,9 na costa do Alasca provoca alerta de tsunami

Por Ipu Online — publicado | 23.1.18 | 0 comentários


Um terremoto de magnitude 7,9 atingiu o Golfo do Alasca, nos Estados Unidos, nas primeiras horas desta terça-feira, levando as autoridades a alertarem moradores da região a se afastarem da área litorânea devido ao risco de um tsunami.

O tremor ocorreu 256 quilômetros a sudeste de Chiniak, no Estado americano do Alasca, a uma profundidade de 10 quilômetros, por volta da meia-noite do horário local (7h do horário de Brasília), de acordo com o Serviço Geológico americano.

“Se você está localizado nessa região costeira, mova-se em direção ao interior para lugares elevados. Alertas de tsunami significam que um tsunami com inundação significativa é possível ou já está ocorrendo”, disseram autoridades em um alerta para Alasca e Colúmbia Britânica, no Canadá, logo após o terremoto.

Segundo o Centro de Alertas de Tsunamis dos Estados Unidos, a previsão era que uma primeira onde atingisse a cidade de Kodiak às 1h45 do horário local (8h45 em Brasília), porém até agora nenhum indício de tsunami foi registrado.

 O tremor foi sentido com força na cidade, na costa sul do Alaska. Segundo a emissora CNN, quase todos os moradores da região deixaram a zona costeira às pressas.

A polícia de Kodiak informou por volta das 2h30 do horário local (9h30 em Brasília) que a maré alta estava se afastando do porto da cidade, o que pode ser um alerta perigoso de tsunami. Como precaução, as autoridades locais pediram que os moradores de regiões mais baixas se deslocassem para zonas mais altas da cidade. Uma escola local foi aberta para servir como abrigo.

Os alertas para o Canadá e a costa sul do Alasca, assim como a Península do Alasca e as Ilhas Aleutas foram cancelados por volta das 3h30 do horário local (10h30 em Brasília). Porém, alguns alertas ainda continuam ativos para algumas pequenas áreas do Estado.

Toda a costa oeste dos Estados Unidos e o Havaí foram colocados em estado de observação para um tsunami, porém logo o alerta foi retirado, já que as áreas não correm mais riscos, segundo as autoridades locais. Ver imagem no Twitter


“Com base em todos os dados disponíveis, um tsunami pode ter sido gerado por esse terremoto que pode ser destrutivo para áreas costeiras mesmo distantes do epicentro”, disse o Centro de Alerta de Tsunami do Pacífico. A agência meteorológica do Japão informou que está monitorando a situação, mas não emitiu alerta de tsunami.


(Veja com Reuters)

Categorias: ,

0 comentários

ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Ipu Online.