Na Ibiapaba: policial capoeirista combate o crime de outra forma, educando

Por: Ipu Online em | 10.4.18 | 0 comentários


A capoeira, como contra turno escolar, ajuda o jovem no entendimento do próprio corpo, trabalhando o equilíbrio, a flexibilidade, a agilidade, e o raciocínio rápido. Foi com esta temática que o professor de Capoeira, Hermácio Quirino está prestes a completar 12 anos de dedicação a projetos sociais voltados a arte da Capoeira objetivando tirar jovens da ociosidade no município de Tianguá, na serra da Ibiapaba.


“Nos dias em que o jovem está na Capoeira, automaticamente estará longe das ruas e das más influências”, disse. Explicou que nos treinos o professor aconselha os alunos a não violência, a não usar drogas e bebidas alcoólicas, a respeitar a todos, principalmente seus pais e professores.

Hermácio Quirino é Subtenente da Policia Militar do Ceará, atualmente é lotado na 2ºCia/3ºBPM em Tianguá, e na corporação já concluiu com bom aproveitamento o curso do COTAR (Comando Tático Rural) e já participou de missões junto a Força Nacional de Segurança Pública em vários Estados Brasileiros. O militar também é contra mestre de capoeira e nesse ano 24 anos de dedicação a capoeira e completa 20 anos de Policia Militar.


Perguntado como se iniciou os projetos ligados a capoeira, o militar disse:

“Por trabalhar nas ruas e ver a criminalidade crescendo, achei convencional combater o crime educando. Chamei jovens que na época não tinham um futuro promissor e os levei para dentro do quartel. Com a educação Militar e familiar, somada a educação escolar, a capoeira transformou a vida de muitos destes adolescentes.

Hoje os frutos cresceram, temos advogados, educadores físicos, administradores, contabilistas, técnicos agrícolas e o mais importante, temos homens e mulheres bem educados devido a este pequeno projeto. Não tenho a ajuda de ninguém, só a minha e dos próprios alunos.”



Parabéns Hermácio Quirino pela iniciativa, e que mais bons frutos sejam colhidos ao longo de sua brilhante trajetória militar e de educador.

Ibiapaba 24 Horas

Arquivado em: ,

0 comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.