Menino de 13 anos se recupera após sofrer 7 fraturas no crânio e ser dado como morto

Por Ipu Online — publicado | 7.5.18 | 0 comentários


Um menino de 13 anos que já havia sido diagnosticado com morte cerebral desafiou as probabilidades médicas e recuperou a consciência depois de sofrer sete fraturas no crânio. Os pais de Trenton Mckinley já haviam assinado documentos para doar os órgãos do garoto.

McKinley foi hospitalizado depois de um acidente com um trailer. “Eu bati no concreto e o reboque caiu no topo da minha cabeça. Depois disso, não me lembro de nada", disse Trenton em entrevista à rede FOX10.

Com as sete fraturas cranianas decorrentes do acidente, os médicos disseram aos pais que seu filho "nunca seria normal novamente".

“Quando ele voltou, eles disseram que nunca mais seria normal. Eles me disseram que os problemas de oxidação seriam tão ruins para o cérebro dele, que ele seria um vegetal mesmo se conseguisse se recuperar”, disse.

Trenton teve morte cerebral e mal respirava nos dias que se seguiram ao acidente. Sua mãe decidiu assinar papéis para doar os órgãos do menino e beneficiar cinco crianças que precisavam de transplantes.

Um dia antes dos médicos retirarem os equipamentos que mantinha Trenton vivo, o menino começou a mostrar sinais de atividade e movimento no cérebro. Ele voltou a respirar por conta própria e acordou falando frases completas, logo no final de março.

O adolescente ainda sente dores nos nervos e sofre de convulsões diárias, mas está em tratamento.

Em entrevista, Trenton disse acreditar que foi para o céu antes de voltar à vida. "Eu estava andando em um campo aberto", lembrou. "Não há outra explicação além de Deus. Não há outra maneira. Até os médicos disseram isso".

Band.com.br

Arquivado em: ,

0 comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.