Professora é presa por assédio ao expor fotos íntimas e sentar em colo de alunos

Por: Ipu Online em | 9.5.18 | 0 comentários

Uma professora foi presa após mostrar fotos de momentos íntimos dela e do marido para seus alunos de 14 anos. Segundo os estudantes da Miamisburgh Middle School, em Ohio, Estados Unidos, Jessica Langford “causou constrangimento ao fazer com que todas as crianças vissem os registros dela fazendo sexo oral em um rapaz”.

Reprodução/Metro.co.uk
A professora encontra-se detida e está sendo julgada por fazer sexo com um menor de idade na sala de aula, no final do ano passado. A condenação será definida no dia 14 de maio, por envolver mais outras seis acusações de assédio sexual e conduta inapropriada com menores de idade.

Um dos alunos afirmou ao jornal Metro que as fotos explícitas e todos os relatos dos colegas o fizeram se sentir extremamente incomodado, já que ele e a docente eram muito próximos. Policiais ainda descobriram que Langford chegou a dar muitos presentes para alguns estudantes, o que inclui vale-compras, sapatos e até iPhones.

Professora foi acusada de assediar alunos em sala de aula
Um relatório policial divulgado à imprensa local apontou que o comportamento da mulher já preocupava a coordenação da escola, uma vez que foi ela havia sido pega em flagrante sentando no colo de um aluno durante uma aula em 2016. Além disso, o documento revelou que Langford havia recebido intimações da diretoria para que não exagerasse no contato físico com os menores de idade, dentro ou fora do colégio.

Ela também foi acusada de almoçar diariamente com dois meninos e flertar com os estudantes. “Deviam ter agido logo nos primeiros problemas, não ter esperado a situação se agravar desse modo. Os primeiros sinais eram o bastante para denunciá-la”, alegou o professor de direito, Charlie Russo, ao canal Fox .

Os colegas de trabalho afirmaram que a professora nunca foi formal e disciplinada, e que, por isso, tentavam alertar a mulher sobre seu comportamento, mas sem sucesso. Jessica Langford está sob fiança, aguardando sentença acerca das acusações de assédio sexual. O marido identificado somente como Matthew expôs que, mesmo diante dos escândalos, permanecerá ao lado de sua companheira.

iG

Arquivado em: ,

0 comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.