Polícia prende quadrilha de assaltantes por roubo de cargas de roupas e perfumes

Por Ipu Online — publicado | 25.7.18 | 0 comentários


Cinco homens foram presos, na última segunda-feira (23), suspeitos de roubarem uma carga de roupas e perfumes de uma empresa, em Maracanaú, município localizado na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF). As capturas, realizadas em ações distintas, foram efetuadas em Fortaleza e Caucaia. Uma arma de fogo foi apreendida. Dois dos envolvidos eram funcionários da empresa.

Após receberem a informação do roubo de uma carga de roupas e perfumes avaliada em R$ 70 mil, a Polícia Civil identificou a participação de um veículo Chevrolet, modelo Corsa Sedan, que foi utilizado no delito. A partir das informações obtidas, os investigadores localizaram Antônio Costa Moura, conhecido como "Branco", apontado pelos agentes como o organizador da ação criminosa

Durante a abordagem, o suspeito confessou a participação no crime e relatou o plano operacional do grupo, afirmando que, após o roubo, o material foi levado a um sítio, em Caucaia, onde foi repartido entre os homens.

Posteriormente, os policiais civis localizaram o sítio e um comércio próximo ao local, onde foi encontrada parte da carga roubada. Lá, o proprietário do estabelecimento, João Dougival Albuquerque da Cruz foi preso.

Revenda
"Ele estava com tudo pronto para começar a vender. A maior parte da carga, como roupas, perfumes, artigos esportivos, bem como outros produtos estava com ele", afirmou o delegado-adjunto da Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos e Cargas (DRFVC), Adriano Félix.  

Dois outros homens, identificados como Elton de Sousa Matos e Francisco Edivando Cruz Lopes, até então funcionários da empresa, também foram capturados no mesmo dia. Adriano Félix assegurou que o motorista e o ajudante repassavam informações para Antônio Moura referentes aos valores e os tipos de produtos da empresa. Com os suspeitos, foi encontrada parte do material roubado que, de acordo com os investigadores, já havia sido partilhado.

O último suspeito José Denes Silva Mendonça, apontado pela Polícia Civil como um dos executores do crime, foi detido em casa. Durante a ofensiva, um revólver calibre 38 foi apreendido com o homem, que já respondia por homicídio e tráfico de drogas.

Os cinco homens foram autuados por roubo qualificado por emprego de arma de fogo, associação criminosa e por integrarem organização criminosa. O delegado-adjunto declarou que outros três envolvidos no delito foram identificados e que o inquérito policial referente ao caso só será concluído quando o trio for capturado. 

Diário do Nordeste


Categorias: ,

0 comentários

ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Ipu Online.