Após a derrota, Ciro Gomes diz “#EleNão” e manda um “aí dento” para Bolsonaro

Por Ipu Online — publicado | 8.10.18 | 0 comentários

Sobre o apoio ao candidato Fernando Haddad (PT), Ciro Gomes não foi direto, mas deixou claro que a sua defesa é da democracia


Após a derrota nas urnas para a candidatura à presidência, Ciro Gomes (PDT) concedeu entrevista à imprensa na calçada do prédio onde mora, na Praia de Iracema, em Fortaleza, na noite deste domingo (7). Sobre o resultado das urnas e a campanha, o sentimento de Ciro foi de agradecimento aos eleitores.

“Eu tô cheio de gratidão pelos milhões de brasileiros que aceitaram a minha mensagem. Estou super agradecido, especialmente pelo Ceará, que é o estado que me conhece de perto, sabe dos meus defeitos, das minhas humanidades e me deu uma vitória absolutamente extraordinária. Esse é o sentimento que eu termino: profunda gratidão”, disse.

Ciro também falou da alegria do resultado das eleições de Camilo Santana (PT), reeleito governador do Ceará, e de seu irmão Cid Gomes (PDT), eleito senador do estado. “Eu vou agora comemorar a vitória do Camilo, a vitória do senador Cid Gomes, que é o meu orgulho, fizemos uma extraordinária maioria na Assembleia Legislativa do Ceará”, afirmou.

E a irreverência não faltou ao candidato. Enquanto concedia a entrevista, um eleitor de Jair Bolsonaro passou e gritou o nome do candidato. A resposta de Ciro Gomes foi um sonoro bordão típico de cearense: “Aí dento”, arrancando risadas dos jornalistas que o entrevistavam.

Sobre o apoio ao candidato Fernando Haddad (PT), Ciro Gomes não foi direto, mas deixou bem claro que a sua defesa é da democracia. “Vou encontrar meus amigos todos, vamos tomar uma ali, para espalhar o sangue, pensar um pouco, e amanhã a gente fala. Minha história de vida é de defesa da democracia e contra o fascismo. Ah, ‘#EleNão’ sem dúvida”, finalizou.

Tribuna do Ceará

Categorias: ,

0 comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.