Pelo menos 15 pessoas são conduzidas para a Polícia Federal suspeitas de crimes eleitorais no Ceará

Por Ipu Online — publicado | 7.10.18 | 0 comentários


Pelo menos 15 pessoas foram conduzidas para a Polícia Federal neste domingo (7) suspeitas de crimes eleitorais no Ceará. A Polícia Militar deteve 14 pessoas em Fortaleza e Região Metropolitana e um homem em Juazeiro do Norte suspeitos de crimes de boca de urna ou compra de votos.

No total, foram dez ocorrências diferentes. Em uma delas, dois homens foram presos no Bairro Conjunto Jereissati II, em Pacatuba. Dentro do carro do presidente do PSB em Pacatuba, Aldemir Cavancante de Moraes, segundo a Polícia Militar, havia vasto material de campanha.

Os policiais apreenderam cerca de R$ 1.500. Moraes afirmou que não deu tempo de tirar o material de campanha de dentro do carro no sábado. Eles permaneceram na sede da PF para prestar esclarecimentos. 

Em Juazeiro do Norte, foi preso um homem por fazer boca de urna e pelo porte de arma com numeração raspada. A PF informou que ele já respondia por tentativa de homicídio em Juazeiro e por porte de arma de uso restrito.

As demais ocorrências na capital foram registradas nos bairros Jardim União, Parque Dois Irmãos, Messejana, Lagoa Redonda, Álvaro Weyne e Aerolândia.

Operação PF
A PF informou que, desde o início da operação das eleições, foram 13 mandados de busca e apreensão, 11 prisões em flagrante e seis Termos Circunstanciados de Ocorrência (TCO’s) pelos crimes de boca de urna e propaganda eleitoral irregular. Ao todo, foram apreendidos cerca de R$ 18 mil em dinheiro, material de propaganda eleitoral irregular e veículos.

Diário do Nordeste

Categorias: ,

0 comentários

ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Ipu Online.