Oprah se envolve em eleição acirrada na Geórgia para fortalecer candidata democrata

Por Ipu Online — publicado | 3.11.18 | 0 comentários


Oprah Winfrey pretende usar seu prestígio para ajudar a candidata democrata Stacey Abrams a se tornar a primeira governadora negra dos Estados Unidos fazendo algumas aparições na quinta-feira no Estado da Geórgia.

Depois de flertar brevemente com uma candidatura à Casa Branca em 2020, a magnata da mídia, há tempos associada a causas do Partido Democrata, preferiu capitalizar sua influência em uma corrida que se tornou alvo de acusações de intimidação de eleitores.

O rival republicano de Stacey, Brian Kemp, é secretário de Estado da Geórgia, cargo no qual supervisiona as eleições estaduais. No início deste mês uma coalizão de grupos de direitos civis processou Kemp, acusando-o de tentar reduzir o comparecimento de eleitores de minorias para melhorar suas chances de vitória.

Na segunda-feira, o ex-presidente dos EUA e ex-governador da Geórgia Jimmy Carter pediu a Kemp para deixar a função por estar concorrendo a governador.

A campanha de Stacey disse que ela aparecerá com Oprah nos condados de Cobb e DeKalb para debater "o valor crítico das mulheres na liderança e o que está em jogo para nossas comunidades na eleição".

Oprah, de 63 anos, roubou o show na premiação do Globo de Ouro em janeiro ao discursar contra o assédio e a agressão sexuais. Seu pronunciamento desencadeou uma campanha na internet para persuadi-la a concorrer contra o presidente republicano Donald Trump no próximo ciclo eleitoral.

"Isso não é algo que me interessa", disse ela à revista InStyle em janeiro. "Encontrei-me com alguém outro dia que disse que me ajudaria com uma campanha. Isso não é para mim".

Reuters

Categorias: , ,

0 comentários

ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Ipu Online.