'É estranho um refém de madrugada no banco', questiona Camilo Santana

Por Ipu Online — publicado | 8.12.18 | 0 comentários


O governador do Estado do Ceará, Camilo Santana, falou no início da tarde desta sexta-feira (7) sobre a ocorrência em Milagres, na Região do Cariri, que deixou pelo menos 12 mortos. Para Camilo, o trabalho dos policiais foi cumprido, já que os assaltos às agências bancárias não foram concretizados.

"O fato é que estavam preparados para assaltar dois bancos e não conseguiram assaltar nenhum", disse, citando que a operação conjunta envolveu as polícias do Ceará e Pernambuco.


Quando perguntado sobre a atuação dos policiais em Milagres, Camilo ponderou: "é estranho um refém de madrugada no banco. Vamos aguardar essa investigação".

Ministro Jungmann: "tragédias como essas acontecem"

As declarações foram concedidas na inauguração do Centro Integrado de Inteligência de Segurança Pública Regional – Nordeste, no bairro Edson Queiroz, com a presença do ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann. O Ceará foi escolhido entre os estados nordestinos para receber o Centro, em virtude dos investimentos e do trabalho de Inteligência já adiantado que o Estado realiza, conforme frisou o governador.


"Tragédias como essas acontecem. À medida que a gente possa antecipar e evitar, sem sombra de dúvidas, a sociedade agradece e a gente poupa vidas, que é o bem mais importante que a gente tem que proteger", disse Jungmann.

"Esse fato [em Milagres] só mostra a necessidade desse Centro", disse Camilo."Sem inteligência e sem integração das informações, dificilmente conseguiremos combater essas organizações criminosas", concluiu.

Secretário: "muito difícil julgar"

No mesmo evento, o titular da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), André Costa, também falou sobre a tragédia em Milagres, e ponderou ser "muito difícil julgar" as ações dos policiais envolvidos na ocorrência.

Diário do Nordeste

Categorias: ,

0 comentários

ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Ipu Online.