Modelo carrega cruz totalmente nua no Vaticano e acaba presa

Por redação Ipu Online | publicado | 20.12.18 | 0 comentários


O mais recente capítulo de controvérsias protagonizadas pela modelo Marisa Papen a levou para a prisão. A belga cruzou nua, carregando uma cruz de madeira, uma parte da Cidade do Vaticano.

Em outros flagrantes, Marisa foi fotografada, ainda nua, sentada em duas Bíblias no meio da Praça de São Pedro. Um outro registro mostrou a belga amarrada à cruz que carregava.

Marisa costuma desafiar e questionar valores religiosos. Ela já se envolveu em polêmicas posando nua em templo de Luxor (Egito), nas proximidades do Muro das Lamentações, em Jerusalém, e na mesquita Hagia Sophia, em Istambul (Turquia).

A modelo e o fotógrafo Jesse Walker, australiano que a acompanha em todos os ensaios, foram presos em flagrante por policiais que acompanhavam a movimentação da dupla.

"Estava colocando a minha calcinha quando os policiais apareceram", disse Marisa, de acordo com o "Mirror". Dez horas após a detenção, a belga e o australiano foram liberados. Eles responderão a processo por atentado ao pudor.

Jornal Extra

Arquivado em: ,

0 comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Ipu Online.