Família é executada dentro de casa em Fortaleza; criança e adolescente são poupados por criminosos

Por redação Ipu Online | publicado | 1.2.19 | 0 comentários


Três pessoas de uma mesma família foram executadas dentro de casa no Bairro Carlito Pamplona, em Fortaleza, na madrugada desta quinta-feira (31). Por volta das 4h, homens em três carros pararam em frente ao local, um conjunto de quitinetes na Rua Tirol, invadiram o imóvel e executaram pai, mãe e filho, que estavam no segundo andar do prédio, segundo a polícia.

Uma criança de 11 anos e um adolescente de 14, filhos de Janaína, estavam na casa. Os dois foram deixados em um quarto e "poupados" pelos criminosos.

Segundo a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social do Ceará (SSPDS-CE), as vítimas foram identificadas como Francisco Adriano do Nascimento Gregório (37), Janaína Carneiro da Silva (32) e Anderson Mendes do Nascimento (18), pai, mãe e filho, respectivamente.

Francisco Adriano tinha antecedentes criminais por tráfico de drogas, porte ilegal de arma de fogo, roubo e receptação, de acordo com a SSPDS-CE. De acordo com policiais que atenderam a ocorrência, ele havia deixado a prisão há três semanas e estava usando uma tornozeleira eletrônica.

Pai e filho morreram no local. Janaína chegou a ser socorrida, mas não resistiu aos ferimentos e morreu no hospital.

De acordo com investigadores, Francisco Adriano é ligado ao tráfico de drogas e o crime estaria relacionado a briga entre facções. Na parede da casa foi pichado "GDE 745", referência ao grupo criminoso Guardiões do Estado. A área onde houve o triplo homicídio é dominada pelo Comando Vermelho (CV), ainda conforme a polícia. Os assassinos também escreveram que iriam voltar.

Antes de deixar o local, os executores ainda arrastaram os corpos para o segundo andar do imóvel.

Os casos estão sendo investigados pela 4ª delegacia do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa.(DHPP).

Triplo homicídio pode estar relacionado a outro assassinato na Barra do Ceará

O triplo homicídio na Jacarecanga pode estar relacionado a outro assassinato ocorrido minutos depois na Barra do Ceará. Um homem e uma mulher foram as vítimas. A polícia informou que os criminosos atuaram da mesma forma nos dois casos, chegando à residência em carros e invadindo o local para executar as vítimas.

Conforme a SSPDS-CE, a vítima foi identificada como Adenilton Gadelha dos Santos (22), conhecido como "Natalino". Ele tem antecedentes criminais por homicídio, roubo e corrupção de menores.

Neste caso, "três homens usando balaclavas entraram em uma casa situada na Rua do Leme, e efetuaram os disparos contra Adenilton, que veio a óbito no local", informou a secretaria. Equipes da Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce) e do DHPP foram local realizar os primeiros levantamentos. A investigações estão com a 8ª delegacia do DHPP.

Diário do Nordeste


Arquivado em: ,

0 comentários

ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Ipu Online.