Adolescente estrangula filho bebé com cordão umbilical e obriga irmão de 14 anos a enterrá-lo

Por redação Ipu Online | publicado | 11.4.19 | 0 comentários

Jovem de 16 anos engravidou do patrão da fábrica onde trabalhava após uma noite de sexo. Gravidez foi escondida.


Fatma B, uma jovem mãe adolescente está acusada de ter estrangulado até à morte o filho recém-nascido com o cordão umbilical, e de seguida ter obrigado o irmão de 14 anos a enterrar o corpo. O caso ocorreu na província de Gaziantep, Turquia, em 2013. O incidente chocante foi revelado anos mais tarde, quando o irmão, Mehmet A., decidiu contar tudo às autoridades, por se dizer incapaz de viver com a culpa.

Ao que a imprensa internacional indica, a adolescente de 16 anos matou o bebé logo após o parto. De acordo com testemunhas, ficou grávida depois de uma noite de sexo com o patrão da fábrica onde trabalhava. Após o crime violento, a homicida escondeu o corpo numa arca congeladora durante três dias.

De seguida, pediu ao irmão que escondesse o cadáver no porão da sua casa. Após a denúncia ter sido feita pelo menor, a polícia iniciou uma investigação e relaizou buscas na habitação onde encontraram os restos mortais da criança. Os dois irmãos foram detidos pelas autoridades que foram buscar Mehmet A., que viva há três anos noutra zona da Turquia, onde tinha casado. A investigação prossegue.

Correio da Manhã



Arquivado em:

0 comentários

ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Ipu Online.