Homem mais velho do mundo morre aos 123 anos

Por redação Ipu Online | publicado | 15.5.19 | 0 comentários


Nesta segunda-feira (13), morreu o homem mais velho do mundo, aos 123 anos. Segundo informações do 'The New York Times Post', Appaz Iliev faleceu em Inguchétia, República Russa e deixou oito filhos, e tinha 35 netos e 34 bisnetos.

O homem era considerado uma inspiração apara todos em sua cidade e afirmava que o seu segredo para uma vida longa era se deitar às 19h e dormir 11 horas todos os dias. além disso, evitava beber álcool, fumar e qualquer tipo de medicamentos.

O russo começou a trabalhar com sete anos como pastor, tendo depois ingressado no Exército Vermelho e combatido durante a Guerra Civil russa entre 1917 e 1922. Aos 45 anos, foi considerado muito velho para combater na Segunda Guerra Mundial e tornou-se, então, motorista. Chegou a ser deportado, por ordem de Estaline, para o Cazaquistão, onde esteve exilado.

Segundo o Mirror, se os seus registos de nascimento estiverem corretos, ele foi o homem que mais anos viveu, superando assim o recorde anterior do japonês Jiroemon Kimura, que morreu com 116 anos.

Notícias ao Minuto

Arquivado em:

0 comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Ipu Online.