Suspeitos de assaltos a bancos em Campo Maior são mortos durante confronto com a polícia

Por redação Ipu Online » publicado | 7.5.19 | 0 comentários


Cinco suspeitos dos assaltos ao Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal de Campo Maior foram mortos durante confronto com a polícia em Cocal, Norte do Piauí, na madrugada do último domingo (5). Outros seis criminosos conseguiram fugir e a polícia continua em diligência.

"Eles tiveram um confronto com a polícia na localidade Videl, zona rural de Cocal, por volta das 4h. Na ação, quatro criminosos foram mortos e dois conseguiram fugir. Nenhum policial ficou ferido", informou o tenente Carvalho, da Polícia Militar de Cocal.


O secretário de segurança, Fábio Abreu, confirmou ao G1 que o quinto suspeito morreu durante a fuga. Mais seis teriam fugido e as equipes da polícia estão em perseguição aos criminosos, que estão escondidos na mata entre os municípios de Batalha e Barras. Os corpos foram encaminhados para o hospital de Cocal.

A Polícia trabalha ainda na identificação dos criminosos que foram mortos. De acordo com informações da Secretaria de Segurança do Piauí, a maioria é da cidade de Uberlândia (MG), no Triângulo Mineiro.


Fábio Abreu descartou que os cinco homens presos em Chapadinha, no Maranhão, tiveram participação dos assaltos em Campo Maior. "Vamos continuar em busca deles e até o momento seis criminosos conseguiram fugir. Foram apreendidos armamentos, carros e explosivos", informou.

Participaram da ação policiais do Grupo de Repressão ao Crime Organizado (Greco), Diretoria de Inteligência, Polícias Civil e Militar de Campo Maior, Piracuruca, Piripiri, Barras, Batalha, Rondas Ostensivas de Natureza Especial (Rone), Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope), Divisão de Operações Especiais da PC-PI e Comando Tático Rural (Cotar) do Ceará com apoio aéreo.


Na quinta-feira (2), a polícia localizou na cidade de Batalha o segundo veículo usado nas explosões das agências. Na segunda-feira (30) à noite, um grupo de criminosos divididos em dois veículos trocaram tiros com PMs em Piracuruca e conseguiram fugir, abandonando um dos carros. Até o momento, não há informações sobre os valores levados dos bancos.

Um grupo formado por mais de 10 homens explodiu duas agências bancárias ao mesmo tempo em Campo Maior, a 80 km de Teresina, na madrugada de terça-feira (30). Três pessoas foram feitas reféns e liberadas durante a fuga dos criminosos na entrada da cidade. Ninguém ficou ferido.


As duas agências ficam a menos de 200 metros de distância uma da outra. De acordo com o major Etevaldo Alves, comandante da Polícia Militar de Campo Maior, o grupo fez disparos com fuzis pelas ruas da cidade, na intenção de causar medo nos moradores.

O G1 teve acesso a imagens de uma câmera de segurança, que mostram o momento em que os criminosos explodem a Caixa Econômica Federal em Campo Maior, uma das agências alvo. Outro vídeo mostra os bandidos chegando à cidade no carro.

G1 PI



Arquivado em: ,

0 comentários

Os comentários abaixo não representam a opinião do Portal Ipu Online; a responsabilidade é do autor da mensagem.