Casal de lésbicas é espancado após rejeitar se beijar para homens assistirem

Por redação Ipu Online | publicado | 8.6.19 | 0 comentários

Um casal de mulheres foi vítima de um ataque homofóbico que culminou em espancamento dentro de um ônibus em Londres, na Inglaterra. As informações são da BBC.


Melania Geymonat, 28, afirmou que ela e sua namorada Chris foram atacadas em um dos ônibus noturnos de Londres. Ela divulgou fotos que mostram o estado do casal após o espancamento.

De acordo com relatos das vítimas, os responsáveis pelo ataque formavam um grupo de jovens, todos homens. Ao notarem que elas eram um casal lésbico, começaram a pedir que elas se beijassem.

Junto do pedido, contam as vítimas, os jovens faziam diversos gestos com cunho sexual para Melania e Chris.

Ao se negar a fazer o que os homens pediam, o casal começou a ser agredido, de acordo com o relato. Além da violência física, as duas afirmam que uma série de xingamentos foram desferidos contra ambas.

“Eles nos cercaram e começaram a falar sobre coisas sexuais, de maneira muito agressiva”, contou Melania à BBC. “Falavam coisas de posições sexuais, lésbicas e ficavam pedindo que nós nos beijássemos para que eles assistissem”.

As duas mulheres foram encaminhadas a um hospital para que tratassem das lesões faciais. Melania afirmou que um dos homens quebrou seu nariz e ainda roubou seu celular e sua bolsa antes de sair.

A polícia já tem em mãos imagens de segurança e fará a investigação do caso.

Theresa May, primeira-ministra do Reino Unido, comentou o ataque e defendeu a liberdade da comunidade LGBT no país.

“É uma cena que nos faz mal, um ataque doentio e meus melhores pensamentos estão com o casal que foi vítima”, declarou May. “Ninguém deveria, em nenhum momento, esconder quem é ou quem ama e nós devemos trabalhar em conjunto para erradicar essa inaceitável violência contra a comunidade LGBT”.

Arquivado em:

0 comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Ipu Online.