Servidora da Secretaria de Saúde morre e a suspeita é de dengue hemorrágica

Por redação Ipu Online | publicado | 6.6.19 | 0 comentários

Cátia Teixeira dos Santos trabalhava no Hospital Regional de Planaltina. O caso está sendo investigado pela pasta


Uma servidora da Secretaria de Saúde morreu no último sábado (1º/6) com suspeitas de dengue hemorrágica. Cátia Teixeira dos Santos, 45 anos, trabalhava como supervisora de emergência no Hospital Regional de Planaltina (HRPL), onde ficou internada e faleceu.

Em nota de pesar, a Secretaria de Saúde lamentou a perda da profissional. "Os colegas a reconheciam pelo seu profissionalismo, honestidade, lealdade, inteligência, competência e sensibilidade para lidar com as adversidade e conflitos humanos", diz o texto. 

Sobre a causa da morte, a direção do hospital de Planaltina informou que o corpo da servidora foi levado, ainda no sábado, para o Serviço de Verificação de Óbitos (SVO), em Ceilândia, onde será realizada a necropsia para examinar e detectar o motivo do óbito. Por meio de nota, a unidade de saúde disse que ainda não há confirmação ou laudo atestando a causa do falecimento de Cátia, que desde fevereiro trabalhava no hospital.

Casos de dengue
O último boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Saúde mostra o aumento alarmante de casos de dengue o Distrito Federal. Até 18 de maio o número de óbitos pela doença transmitida pelo mosquito Aedes aegypti somava 21. O número de pessoas com o vírus também cresceu. São 21.360 ocorrências de pacientes com dengue.

Correio Braziliense

Arquivado em:

0 comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Ipu Online.