Criminosos alugam guindastes para furtar caixas d'água no Rio

Por redação Ipu Online | publicado | 4.7.19 | 0 comentários


Um grupo de criminosos alugou dois guindastes para tentar furtar três caixas d'água que abastecem cerca de 30 edifícios de um condomínio do Minha Casa Minha Vida em Triagem, na zona norte do Rio, na tarde desta quarta-feira, 3.

Um helicóptero da TV Globo flagrou o momento em que, com maçaricos, dois criminosos tentavam cortar a estrutura pela metade. Quando percebeu que estava sendo filmado, a dupla afirmou aos operadores dos guindastes que interromperia o serviço para almoçar e foi embora.

Acionada por moradores, a Polícia Militar foi ao local e deteve quatro pessoas - o dono e três funcionários da empresa Transforça, que alugou os guindastes por R$ 7,5 mil.

Na 25ª DP (Engenho Novo), eles afirmaram que foram contratados de forma regular, a partir de contato por e-mail, e não sabiam estar participando de um crime.

A Polícia Civil já identificou um dos criminosos, mas até a noite desta quarta-feira ele não havia sido preso.

Cada caixa-d'água é avaliada em R$ 100 mil, mas no mercado clandestino vale a metade - os criminosos arrecadariam R$ 150 mil com as três peças.

Ao longo de 2018, a administradora do condomínio havia trocado oito caixas-d'água, cuja estrutura metálica já estava gasta. Essa que foi alvo dos criminosos estava entre as peças novas, recém-instaladas.

Estadão Conteúdo

Arquivado em: ,

0 comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Ipu Online.